Ressonância magnética da coluna lombar

Vários tipos de exames podem ser realizados para tentar descobrir alguma doença antes que ela venha a complicar a saúde do paciente. Um desses exames que podem ser realizados é a ressonância magnética da coluna lombar.


O exame de ressonância magnética é capaz de reproduzir imagens com clareza e com grande resolução de qualquer parte interna do nosso corpo. Isso é possível graças à utilização de um campo magnético e de pulsos de radiofrequência. Ou seja, raios-x não são utilizados para obter imagens internas do corpo do paciente.


Como é utilizado um campo magnético para realizar esse exame, alguns dispositivos metálicos podem interferir no equipamento ou causar riscos para o paciente. Portanto, na hora de realizá-lo é necessário estar ciente do que é permitido e do que é proibido.


Para que haja sucesso na aquisição das imagens, o paciente deve ficar imóvel e não se assustar com o barulho que o equipamento faz. Quando o corpo se movimenta durante a realização da ressonância magnética da coluna lombar, o procedimento não é bem-sucedido sendo necessário fazer tudo novamente.


A RM da coluna lombar é capaz de descobrir vários tipos de patologias lombares, doenças degenerativas, inflamatórias, hérnias de disco, além de doenças que afetam o sistema nervoso central como, por exemplo, a esclerose múltipla. Mas ela também permite que se faça o estudo de tumores.

A realização da ressonância magnética da coluna lombar é indolor, não prejudica a saúde e não provoca nenhuma alteração. Porém, para que esse exame seja realizado com sucesso, o paciente não pode usar determinados produtos:


• Perfume, hidratante, desodorante;

• Brincos, anéis, relógio ou corrente;

• Maquiagem;

• Pomada, emplasto ou adesivos;

• Caso tenha tatuagem é necessário informar ao técnico de enfermagem.


Para realizar esse exame, o paciente deve estar em jejum prévio de 6 horas. Caso ele faça uso de alguma medicação, pode tomá-lo normalmente.


Em alguns casos, o paciente não consegue ficar imóvel por muito tempo. Nesse caso, o médico pode pedir que o mesmo seja anestesiado para poder realizar a ressonância magnética perfeitamente. Se for um adulto que necessite ser anestesiado, ele deve ficar em jejum total de 12 horas. No caso de criança, o jejum total é de 8 horas. Mas, para que haja a sedação, o médico deve fazer esse pedido por escrito e fazer um relatório justificando o porquê que ela deve ser realizada – caso seja utilizado convênio.


No momento da realização do procedimento, a pessoa se posiciona no centro do equipamento e deve permanecer deitada com a barriga para cima. Pode haver comunicação entre o paciente e o técnico de radiologia durante o exame utilizando intercomunicadores. Após a realização do exame, o paciente pode seguir normalmente com sua vida. 

Diferenciais da ressonância magnética coluna lombar

Fale com os nossos especialistas e saiba mais sobre ressonância magnética coluna lombar

A realização de uma ressonância magnética coluna lombar é importante para descobrir alguma doença e poder tratá-la. Mas, para a realização desse exame, é necessário que o paciente tenha alguns cuidados. Apesar disso, ele não causa dor, não prejudica a saúde e não provoca alterações no corpo ou no organismo. Caso queira ter acesso a mais conteúdos que falem sobre esse assunto, basta acessar nossos canais: lá você encontrará mais informações. Caso tenha ficado com alguma dúvida sobre esse tema, entre em contato com nossos especialistas para tirá-la. Deixe sua opinião nos comentários e a compartilhe.

Localização

R. Teresa Maria Luizetto, 295

Vila Santa Luzia, Taboão da Serra

06754-010

(11) 4701-4425

www.scandiagnostico.com.br