Mamografia no Butantã

A mamografia é um exame de imagem que utiliza raio-x do peito. Exames de mamografia no Butantã podem ser usados para verificar a existência de câncer de mama em mulheres que não têm sinais ou sintomas da doença. A realização de uma mamografia geralmente envolve duas imagens de raio-x, uma de cada mama, que tornam possível detectar tumores que não podem ser sentidos no autoexame ou no exame realizado pelo médico.


Ao fazer uma mamografia no Butantã, também é possível encontrar microcalcificações (pequenos depósitos de cálcio) que, por vezes, indicam a presença de câncer de mama. Mamografias também podem ser usadas para verificar se há câncer de mama após um nódulo ou outro sinal ou sintoma da doença a ser encontrado. Este tipo de mamografia é chamado de mamografia de diagnóstico. 


Além de um nódulo, sinais de câncer de mama podem incluir dores na mama, espessamento da pele da mama, secreção mamilar, ou uma mudança no tamanho ou forma dos seios. No entanto, esses sinais também podem ser sinais de condições benignas. A mamografia de diagnóstico também pode ser usada para avaliar as alterações encontradas durante uma mamografia ou para visualizar o tecido da mama quando é difícil obter uma mamografia comum devido a circunstâncias especiais, tais como a presença de implantes mamários. 

Com a alta qualidade de uma mamografia no Butantã e um exame clínico da mama realizado em bases regulares, têm-se as formas mais eficazes para detectar o câncer de mama de forma precoce. Verificar os próprios seios em busca de caroços ou outras alterações é chamado de autoexame da mama. Este tipo de exame não pode substituir mamografias regulares ou exames clínicos das mamas.


O maior diferencial de realizar uma mamografia está na possibilidade da detecção precoce do câncer de mama, o que significa que o tratamento pode ser iniciado mais cedo no curso da doença, possivelmente antes de se espalhar. Resultados de ensaios clínicos randomizados e outros estudos mostram que a mamografia pode ajudar a reduzir o número de mortes por câncer de mama entre as mulheres com idades entre 40 e 74 anos, especialmente para aquelas com mais de 50 anos de idade. 


No entanto, estudos até agora não demonstraram um benefício significativo da mamografia regular em mulheres com menos de 40 anos de idade. Ao mesmo tempo, existem alguns contras que também devem ser ponderados quando se pretende realizar uma mamografia, que são: 

• Os resultados falso-positivos; 

• Sobre diagnóstico e tratamento excessivo; 

• Resultados falso-negativos; 

• Encontrar câncer precocemente nem sempre evita a chance de uma mulher morrer de câncer de mama; 

• E exposição à radiação.

Diferenciais da mamografia no Butantã

Fale com os nossos especialistas e saiba mais sobre mamografia no Butantã

Durante uma mamografia no Butantã, a mama é brevemente comprimida entre 2 placas ligadas à máquina responsável pelo exame – na parte superior, um prato de plástico ajustável e, na inferior, uma placa de raio-x fixa. A placa de fundo mantém a película de raios -x ou o detector digital que grava a imagem. Embora a compressão possa ser um pouco desconfortável ou até mesmo dolorosa para algumas mulheres, ela é necessária para obter uma boa imagem e dura apenas poucos segundos, necessários para tirar o raio-x. Caso você queira saber mais detalhes a respeito desse assunto, por favor, entre em contato hoje mesmo com um de nossos especialistas.

Localização

R. Teresa Maria Luizetto, 295

Vila Santa Luzia, Taboão da Serra

06754-010

(11) 4701-4425

www.scandiagnostico.com.br